Apoios

Municípios aderentes

Uma iniciativa de

Parceiros

PROJETO

ENQUADRAMENTO

Os mais recentes dados epidemiológicos apontam para a existência de 182.000 pessoas com demência em Portugal e estima-se que este número aumente para 364.000 em 2040.


Este facto coloca desafios importantes a todos os sistemas de cuidados de saúde e sociais, já que o segmento etário mais idoso é aquele que apresenta o índice de crescimento mais rápido nas cidades europeias.  

 

Os impactos sociais e económicos desta doença progressiva são cada vez mais relevantes. As diferentes exigências ao longo do seu percurso requerem apoio
e formação aos cuidadores através de uma intervenção pluridisciplinar e de proximidade, de modo a melhorar, desdramatizar e valorizar o ato de cuidar.

 

Além disso a importância de consolidar parcerias entre os diversos setores de atividade em prol do desenvolvimento de respostas inclusivas, justificam a implementação de um projeto com o âmbito e fins do Cuidar Melhor.

O Projeto CUIDAR MELHOR visa contribuir para a inclusão e promoção dos direitos das pessoas com demência, bem como para o apoio e valorização dos familiares e profissionais que lhes prestam cuidados, através de uma intervenção pluridisciplinar, assente nos valores da parceria, do respeito pela dignidade humana e da personalização da intervenção.

fins

Resulta da conjugação de vontades de um leque de parceiros de referência – Fundação Calouste Gulbenkian, Fundação Montepio, Associação Alzheimer Portugal e Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa – aos quais se associaram as empresas Sonae Sierra e Lusitania Seguros, bem como os Municípios de Cascais, Oeiras e Sintra, onde funcionam os gabinetes de apoio abertos à comunidade.

• Elaborar um diagnóstico atualizado do número de pessoas   com demência em cada um dos concelhos;
 

• Sensibilizar a população dos concelhos abrangidos para as   questões relacionadas com a demência;
 

• Criar gabinetes técnicos pluridisciplinares e de âmbito           concelhio, de apoio a cuidadores e familiares de pessoas       com demência;
 

• Formar novos quadros na área específica da demência;
 

• Adaptar e desenvolver o conceito Memory Café em  

  Portugal e criar Cafés MEMÓRIA

objetivos

promotores